Coroadas a Rainha e as Princesas da Festa Di Bacco de Erechim

A Prefeitura de Erechim juntamente com a Comissão Organizadora (Sutraf-AU, Grupos Italianos Avanti, Gillé e Stella Alpina e Comissão da Uva) realiza desde 8 de janeiro a edição 2020 da Festa Di Bacco. A escolha da Corte deste ano foi momento de destaque na programação que segue até o mês de fevereiro. Na noite do último sábado (18), Ana Caroline Cavalli foi coroada Rainha e Emanuelle Nicoly Tagliari e Emily Luiza Stakônski as Princesas da Festa Di Bacco de Erechim.

O evento, realizado no Ginásio Bela Vista, foi prestigiado pelo Vice-prefeito Marcos Lando, pelos Secretários Municipais Altemir Barp, de Agricultura, Abastecimento e Segurança Alimentar e de Desenvolvimento Econômico e Leandro Basso, de Cultura, Esporte e Turismo. Demais autoridades, representantes de entidades, parceiros e apoiadores juntaram-se ao grande público que assistiu ao desfile de passarela das nove candidatas em trajes típicos que concorriam à Corte.

Antes de chegarem ao momento da escolha final, as candidatas passaram por uma maratona de atividades que incluiu palestras, prova escrita, passeio turístico, curso de automaquiagem, workshop de etiqueta e carreata. Ao júri composto por Antonio Ribeiro – juiz de direito da comarca de Passo Fundo, Andréia Cechet – rainha da Festa Di Bacco 2014/15, Lúcia Pagliosa – professora da URI e diretora social do Clube Atlântico, Arlei Cavaletti – empresária e diretora de eventos da CDL e Fábio Vendrúsculo – presidente da ACCIE coube avaliar e dar nota ao desempenho de cada uma.

A noite também reservou um momento inovador da edição de 2020, pela primeira vez a Festa Di Bacco de Erechim ganhou sua Corte Infantil. Os nomes foram indicados por representantes dos grupos étnicos italianos do Município.  A Rainha Infantil Gabriela Jarosz Corassini de 9 anos, as Princesas Infantis Julia de Almeida, 8 anos, e Marina Fenker Feijó, 5 anos, foram apresentadas a todos durante o evento.

Ao fazer seu pronunciamento em nome do Executivo, Marcos Lando destacou a importância da Festa que enaltece a cultura italiana, a uva e seus derivados. “O Município se empenha em marcar o tempo de uma cultura que mostra o potencial que nossa região tem também neste segmento. Nosso reconhecimento e gratidão às tantas famílias que se dedicam a manter o cultivo da uva e que com isso fazem surgir uma cadeia muito positiva para todos”, completou o Vice-prefeito.

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais