Dor lombar afeta 90% das pessoas

Aberta na tarde desta segunda-feira, 18, a XVII SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho) da URI. A primeira palestra contou com a presença da Coordenadora do Curso de Fisioterapia, Janesca Mansur Guedes, que falou sobre a relação entre a dor lombar e o trabalho.

Segundo a professora, as pesquisas em todo mundo mostram que 90% das pessoas que trabalham têm dores lombares. E as razões são simples: má postura, estresse, sedentarismo, sobrepeso, má alimentação e falta de um sono reparador, entre outras.

Conforme Janesca, é possível reverter essa situação realizando atividades físicas de acordo com o gosto de cada um, sempre com orientação de um educador físico; fazer terapia comportamental; reduzir o estresse; ter uma alimentação adequada, evitando principalmente o consumo de açúcar e álcool; não fumar; evitar o sobrepeso; e ter uma melhor qualidade no sono.

A Tenda da Saúde, uma tradição na SIPAT, neste ano irá ao encontro dos funcionários e professores. Por isso, nesta terça, quarta e quinta-feira, à tarde, as ações serão desenvolvidas em locais previamente agendados, tanto no câmpus I quanto no câmpus II. A programação encerra na sexta-feira com uma palestra sobre medicina do trabalho, com o médico Luiz De Luca.

Comentários estão fechados.