Chegou a vez de as Igrejas se levantarem

140

I

Diante da grave situação de descrédito que a população brasileira vem tendo com a classe política, onde grandes empresários do país estão presos ou indiciados e setores da justiça não estão tendo a credibilidade do passado, está mais do que na hora de as Igrejas se levantarem para dar um basta neste tipo de coisa. Toda essa roubalheira está deixando os brasileiros envergonhados perante a comunidade internacional, e para piorar não está se vendo nenhuma luz no fim do túnel á curto, médio ou longo prazo.

A última esperança que resta para o povo brasileiro é que as igrejas estejam comprometidas com seus rebanhos, e não com os interesses individuais de alguns pastores que se utilizam dos meios de comunicação para o enriquecimento pessoal.

 

II

Está mais do que na hora de a CNBB fazer uma grande mobilização na Igreja Católica, como aconteceu durante a ditadura nos anos 70, pela redemocratização. Que a CNBB, em conjunto com a OAB, promova um grande movimento para que se faça uma constituinte exclusiva, com a participação de vários setores da sociedade, promulgando que o atual parlamento seja dissolvido e impedindo que seus integrantes concorram a qualquer cargo político pelos próximos anos.

 

A CNBB e a OAB têm força e legitimidade para puxar as demais igrejas do Brasil à realização desta nova constituinte, onde a população continuaria com seus direitos, mas todos teriam deveres.

 

Por Egidio Lazzarotto

Você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.