Atlântico vira placar e goleia Abelc fora de casa pela LGF

O Atlântico venceu na noite desta terça-feira, 18, seu segundo jogo seguido pela Liga Gaúcha de Futsal (LGF). Na cidade de Boa Vista do Buricá, atuando diante da Abelc, o Galo chegou a sair perdendo, mas buscou a virada para 5 a 2 em uma partida bastante movimentada e com todos os ingredientes de emoção que a competição estadual costuma ter.

Vitória que faz a equipe chegar aos seis pontos em dois jogos realizados até aqui pela primeira fase da competição. Gregory foi o artilheiro da noite com dois gols anotados em favor do Galo. “Feliz por poder ter ajudado a construir um placar importante para o grupo”, salientou ao final da partida.

Agora o Galo dará um tempo na Liga Gaúcha para voltar as atenções à Liga Nacional. Jogará no próximo domingo, dia 23, em Campo Mourão, no PR, diante do estreante na competição, o Campo Mourão, e no dia 29, volta a atuar em Erechim, desta vez diante do Joaçaba.

A partida desta terça-feira marcou ainda a volta às quadras do ala Cleber. Ele estava se recuperando de uma lesão, ficou a disposição do treinador Giba diante da Uruguaianense e contra a Abelc teve a oportunidade de entrar durante a partida.

O jogo

Atuando em quadra menor do que o acostumado, o Atlântico já imaginava algumas dificuldades. E os donos da casa tentaram tiram o máximo de proveito deste fator. Tanto que logo a 13 segundos, Pica-Pau chutou e a bola desviou em Lucas, enganando o goleiro Careca: 1 a 0 para os donos da casa.

Mas aos 4min, o Galo buscou o empate através de Caior Jr em um belo chute de fora da área. Pouco depois, Lucas acabou expulso. Com um a menos em quadram o Galo tratou de se defender e segurou o ímpeto da Abelc até os 6min30, quando em outro cruzamento, desta vez pela direita, a bola desviou em Silva e acabou entrando: 2 a 1 para a equipe de Boa Vista do Buricá.

Ainda na primeira etapa, a 7min10, Gessé garantiu bom passe para Gregory que definiu a jogada e empatou o placar em 2 a 2. Aos 15min23, tiro livre para o Galo. Silva cobrou, mas o goleiro Léo fez boa defesa impedindo a virada erechinense.

Já na etapa final, o Atlântico voltou determinado a vencer o jogo. Aos 11min13, Gregory recebeu pela direita e chutou sem chances para Léo: 3 a 2. A 15min, Allan acertou a trave. O Atlântico era pura pressão na reta final.

E aos 17min24, o artilheiro Silva deixou sua marcar, aproveitando rebote da defesa. Já a 17min56, Allan recebeu no canto da área e desviou de calcanhar para fazer 5 a 2 e selar o placar do jogo.

Esta ação integra o projeto Atlântico Futsal Campeão, que é financiado pelo Governo do estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Esporte RS – Lei de Incentivo ao Esporte.

Comentários estão fechados.