Secretaria de Saúde lança projeto alusivo ao Centenário de Erechim

Na sexta-feira (16), a Secretaria Municipal de Saúde, fez o lançamento da programação “Erechim 100 anos: 100 ações de promoção e prevenção em saúde”, que contou com a participação de servidores vinculados à pasta. A ação foi realizada no auditório da secretaria e iniciou com palestra motivacional com o fisioterapeuta do Cerest AU, Gilson de Moura Arreal.

O intuito é participar com as demais pastas dos projetos e ações alusivas ao centenário do município de Erechim, realizando ações de promoção e prevenção em saúde, melhorando a qualidade de vida dos munícipes e os indicadores de saúde.

O projeto será executado até abril de 2019 e prevê atividades em todos os meses com palestras e teatro, com temas como saúde bucal, dengue, doenças crônicas, saúde mental, tabagismo, materno infantil, nutrição, uso racional de medicamentos, qualidade da água, práticas saudáveis, doação de sangue. Nas seguintes áreas de abordagem: Vigilância em Saúde; Vigilância Epidemiologia; Serviço Assistência Especializado DST/AIDS; Vigilância Sanitária e Ambiental; Atenção Básica e Estratégia Saúde da Família – 12 Unidades Básicas de Saúde; Assistência Farmacêutica; Saúde Prisional; Academia de Saúde; Centro Referência Saúde do Trabalhador (Cerest); Saúde Bucal; Saúde Mental (CAPS II, CAPS AD e Ambulatório Saúde Mental); Programa Primeira Infância Melhor (PIM); Programa Materno Infantil; Departamento de Nutrição; Departamento de Fonoaudiologia e Assistência Social; Rede de Urgência / Emergência.

O secretário municipal de Saúde, Dércio Nonemacher, explicou que as equipes são desafiadas a cada dia prestar um melhor serviço e que estas atividades têm como público alvo toda a comunidade.

Toda a ação foi explanada pela coordenadora da Rede de Relatórios e Controle e Avaliação, Elenise Dallo, e pela diretora de Regulamentação e Planejamento, Margarete De Ré. As duas explicaram sobre público-alvo, áreas de abordagem, material didático, recursos humanos e metodologia de trabalho.

Os projetos serão de responsabilidade da equipe multiprofissional da pasta, inserindo profissionais médicos, enfermeiras, psicólogas, nutricionistas, fisioterapeuta, dentistas, farmacêutica, fonoaudiólogas, assistentes sociais, veterinários, educador físico, técnicos de enfermagem, agentes de combate a endemias, agentes comunitários de saúde entre outros.

Também foi composta uma Comissão Organizadora, responsável pela elaboração do projeto da qual participam o gestor da pasta, Dércio Nonemacher, o adjunto Jackson Arpini, chefe de gabinete, Cassia Cecon, diretora das UBSs, Livania Corso, coordenadora da Rede de Relatórios e Controle e Avaliação, Elenise Dallo, diretora das Ações de Saúde, Olira de Loreno, diretor Administrativo, Dorvalino Rossi, diretora de Regulação e Planejamento, Margarete De Ré, diretor da Vigilânci em Saúde, Aldo Diligenti, coordenador Odontológico, Anderson Pillon, Matermo Infantil, Miriam Regina Cecconelo e a diretora de Saúde Mental, Vânia Specht.

Os recursos financeiros para efetivação do projeto são oriundos do Orçamento da Saúde e parceria com instituições e entidades da iniciativa privada.

Comentários estão fechados.