Bombeiros Voluntários de Sananduva deixarão de atender ocorrências na região

A Associação dos Bombeiros Voluntários de Sananduva através da sua diretoria administrativa emitiu um comunicado destinado aos Poderes Executivos e Legislativos dos municípios de São João da Urtiga, Paim Filho e Maximiliano de Almeida, informando que não mais atenderá ocorrências nestes municípios em razão da  falta de interesse dos poderes públicos municipais em firmar convênio de cooperação e manutenção dos serviços, bem como total desinteresse na formação de bombeiros e, ou, instalação de um posto avançado em seus municípios. Atualmente os custos dos Bombeiros são custeados apenas pelo município de Sananduva. Esta informação também foi repassada aos Bombeiros Militares de Lagoa Vermelha que na realidade tem a responsabilidade de atendimento nestes municípios. Segue na integra o comunicado assinado pelo presidente Jefferson de Holleben Camozzato.

COMUNICADO

A Associação dos Bombeiros Voluntários de Sananduva, com sede no município de Sananduva-RS por seu presidente Jefferson de Holleben Camozzato e demais membros da diretoria, vem comunicar ao município de São João da Urtiga, ao município de Paim Filho e ao município de Maximiliano de Almeida através de suas administrações municipais, bem como, comunicar as Câmaras de Vereadores de São João da Urtiga, Paim Filho e Maximiliano de Almeida através de suas presidências, que a parti r da data de 20/12/2017 não efetuaram mais atendimentos a ocorrências nestes municípios. Que esta decisão vai de encontro a comunicação efetivada pelo setor operacional da ABVS na data de 29/11/2017 a qual informou que não vai mais operar nesses municípios em razão da  “falta de interesse dos poderes públicos municipais em firmar convenio de cooperação e manutenção dos serviços, bem como total desinteresse na formação de bombeiros e, ou, instalação de um posto avançado em seus municípios”. Que a diretoria da ABVS tomou por correto acatar a decisão do setor operacional, visto que, também não acha justo que o município de Sananduva e a sociedade sananduvense suporte com todas as despesas de logística para atendimentos de ocorrências em seus municípios sendo que vossos municípios não estão dando à contra partida necessária para custear despesas com aquisição e reparo de equipamentos e para funcionamento da instituição. Caso ocorra algum atendimento será por mera liberalidade dos voluntários.

Sananduva, 12 de dezembro de 2017

Jefferson de Holleben Camozzato

Presidente da ABVS

 

Fonte: Informativo Regional Sananduva

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.