Emater Solidária – Ações na região do Alto Uruguai beneficiam famílias do campo e da cidade


A Emater/RS-Ascar, parceira da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr),  prossegue com ações  solidárias  em todo o Estado  visando  apoiar produtores para que eles possam viabilizar sua
s atividades e protegerem-se da Covid-19. Na região do Alto Uruguai,  diversos  escritórios municipais estão envolvidos nestas ações.

Em Estação, a Emater/RS-Ascar vem apoiando os projetosAção Solidária e Prateleira Solidária realizados em parcerias com entidades nas ações que envolvem produção de sabão, de  máscaras e distribuição de alimentos. Os projetos  contam com as parcerias  das Caritas (FederaçãoHumanitárias da Igreja Católica), do Centro de Referênciae Assistência Social (Cras),da Igreja Santa Terezinha de Estação, através do padre Dirceu Dalla Rosa, do Grupo Semente do Amor (integrado por voluntários). Todo material produzido e recolhido é repassado para o Cras que distribui para às famílias desempregas tanto da cidade como para as do interior do município. Segundo e extensionista rural do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de  Estação, Marisa Secco, os materiais foram entregues para às famílias vulneráveis e famílias desempregadas. “É um trabalho solidário de todas estas entidades”, observa. Só em alimentos foram entregues mais de 300 sacolas, pontua.

Outra exemplo de Ação Solidária vem do município de Campinas do Sul, envolvendo as parcerias Emater/RS-Ascar, prefeitura, Unidade Básica de Saúde (UBS) e Centro de Referência  de Assitência Social (Cras). A extensionista rural social do Escritório Municipal de Campinas do Sul, Rosangela Montepó,  fez umademonstração de método (DM) com orientações de produção de sabão de álcool e de carqueja para profissionais da UBS e do Cras. Estas duas entidades  vão fazer os materiais para o kit de produtos de higiene e limpeza que serão doados às famílias do município. Neste sentido, com parcerias, também foram realizadas ações em Marcelino Ramos, Paulo Bento.

De acordo com a extensionista rural social, Nadia da Rosa, na região do Alto Uruguai, somente nesta semana (13/04 17/04)  mais de 16 escritórios municipais estiveram  envolvidos em diversas ações, juntamente com parcerias. Na região a campanha foi realizada de forma virtual, utilizando várias ferramentas, principalmente o watts, onde em alguns momentos a Emater/RS-Ascar foi protagonista na mobilização dos parceiros, voluntários e demais instituições e em outra aderindo a campanha e fazendo a diferença tendo presente que as responsabilidades recíprocas e o interesse comum é superar a pandemia da Covid-19 e suas consequências. Está sendo muito importante papel das extensionistas ruais sociais atuando junto às famílias do meio rural e ao público em situação de vulnerabilidade social dos projetos socioassistencias levando informações, orientações e produtos às famílias rurais, famílias em vulnarabilidade soicial, profissionais da sáuide, indigenas e quilombolas, exemplicou.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais