Atletas de Atlântico e América passam bem após choque em jogo pelas quartas da LGF

Atendimento médico e odontológico imediato contribuiu para melhora dos dois jogadores

Um choque no inicio do jogo entre Atlântico e América, entre os jogadores Careca, do Galo, e Misael, dos visitantes, causou lesões nos dois jogadores.

No entanto, o atendimento imediato realizado pelo médico do clube erechinense, Neri Omizzolo e pelo dentista Marcos Dariva, também da equipe erechinense, o médico Luciano Corradi e a equipe da Unimed local, foram decisivos para que os danos fossem os menores possíveis.

Os dois jogadores foram atendimento, passaram pelos procedimentos necessários e após foram liberados, ambos estando bem.

A direção de futsal do Atlântico agradece a equipe médica da Unimed, aos médicos Luciano Corradi  e Neri Omizzolo, ao dentista, Marcos Dariva, pela agilidade e presteza no atendimento aos dois atletas.

Comentários estão fechados.