Novo decreto irá autorizar eventos corporativos e comerciais no RS

Governador Eduardo Leite anunciou que flexibilização será publicada na próxima segunda-feira

O governador Eduardo Leite anunciou, em entrevista coletiva por vídeo nesta quinta-feira, a publicação na próxima segunda-feira de um decreto que autoriza a realização de eventos corporativos e comerciais no Rio Grande do Sul. A decisão ocorreu após uma série de reuniões, estudos e eventos-teste no Estado.

“No primeiro momento, estamos avançando na liberação de feiras, exposições corporativas e comerciais, seminários, congressos, convenções, simpósios, palestras, reuniões corporativas, oficinas, treinamentos e cursos”, afirmou o governador. Entretanto, eventos sociais e comemorativos – como casamentos e festas de 15 anos – seguem vedados em solo gaúcho. A nova flexibilização foi anunciada na mesma semana em que o Executivo decretou a liberação de práticas esportivas coletivas, sem público, em quadras fechadas.

Assim como a liberação dos esportes, os eventos comerciais e corporativos precisam atender uma série de protocolos de segurança. Dentre eles, limitação de pessoas, distanciamento social, sistema de ventilação de ar e uso de ítens de proteção individual. Para isso, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) deverá publicar uma portaria específica de orientação aos protocolos.
De acordo com Leite, a liberação de feiras não difere de outras atividades já autorizadas no Estado. “Entendemos que podemos dar um passo em relação a este tema tendo em vista a repercussão econômica. O que a gente observa é que a atividade de feira, com regras e protocolos, não se difere muito de um shopping center”, destacou.
As atividades que serão liberadas estão divididas em três grupos:
• Feiras e Exposições corporativas e comerciais

• Seminários, congressos, convenções, simpósios, conferências, palestras e similares
• Reuniões corporativas, oficinas, treinamentos e cursos corporativos

Fonte: Correio do Povo 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais