Feira de adoção – Adote um novo amigo!

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Aconteceu na tarde de sábado (15) a feira de adoção – Não compre adote! Organizada pela ONG SOS animais de Erechim, realizada no Mundo dos Pets.

A ONG trouxe vários cãozinhos para encontrarem o novo lar. Muitas pessoas que passavam no evento, não resistiram o olhar doce dos cãozinhos e acabaram adotando os “peludos” para suas famílias, um gesto de amor e solidariedade.

Conversamos com o casal Nathalia Cadore e Alexandre Faccina o que levou adotarem um cãozinho?  O amor pelos bichos e também para trazer ao nosso gato uma nova companhia, que estava sentindo-se muito sozinho. Perguntamos como foi para eles escolherem o cãozinho dentre tantos? Eles comentaram: “foi à primeira vista a cachorrinha nos adotou, pois, ela que veio direto em nós”.

Obtivemos mais um depoimento de adotantes Bárbara Karpinski e Jonathan Roscioli para sabermos a sensação de adotarem um cãozinho? “De muita alegria pois, eles dão um amor incondicional”. Há cinco meses atrás eles adotaram uma cachorra que ficou doente e veio a falecer, com a sua morte eles ficaram muito tristes e abalados, tinham decididos não adotarem pelo menos por enquanto, mais ao se deparar com os pets não resistiram e acabaram adotando. Falaram que não teve como não se apaixonar.

Para o Presidente Romildo Silva a ONG SOS Animais tem o foco de conscientizar as pessoas para não abandonar, maltratar e desprezar os animais. A ONG utiliza diversos materiais educativos para mostrar a importância do cuidar e amar os animais.

Perguntamos quais os critérios para efetivar uma adoção? Ele informa – precisa ser maior de 18 anos, ter uma fonte de renda fixa, casa com pátio fechado ou apartamento com um espaço físico adequado, e se comprometer com as vacinas, e alimentação apropriada. É realizado o termo de adoção com comprometimento do adotante.

 A ONG realiza visitas periódicas para o acompanhamento de cada adoção até o tempo que julgar necessário para adaptação do animal. Em casos de visitas o qual a divergência de local relatado o animal é retirado do adotante e notificado pela ONG.

O presidente enfatiza que em caso não tenha uma boa adaptação de ambas as partes o animal deverá ser devolvido a ONG e não ser repassado para terceiros.

Adote o animalzinho e tenha uma experiência de amor e cumplicidade.

Fonte: Roda de Cuia

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais