Pastoral da Criança aprofunda leitura orante da Bíblia

Representantes paroquiais da Pastoral da Criança participaram do encontro de formação nesta segunda-feira, 13 de maio, no centro diocesano de pastoral.

A coordenadora diocesana, Marinês Agnoletto, conduziu o momento inicial de oração, com profunda reflexão a passagem do evangelho de João 10, 1-10, na qual Cristo se diz o Bom Pastor que veio dar vida em abundância a todos, realizada pelo Padre Giovani Momo, ressaltando o amor e a confiança entre o pastor e as ovelhas. Ele salientou também quanto é importante, a cada dia, as líderes da Pastoral da Criança reverem seu comportamento, sobretudo na proximidade, na compreensão e na partilha com as famílias acompanhadas. Concluiu enfatizando que “Jesus mesmo é a porta que se deve deixar-se conduzir por Ele”.

Padre Jóssi Golembiewski, Pároco da Paróquia São Francisco de Assis, Bairro Progresso, destacou a importância do trabalho realizado pela Pastoral da Criança.

Com assessoria da Irmã Geneci Dalmagro, o grupo realizou estudo sobre a Leitura Orante da Bíblia para compreender melhor a sua mensagem. Ela não é somente um livro que nos permite mais conhecimentos. A Bíblia é principalmente um espaço onde somos convidados a conversar com Deus. Por isso, a Igreja convida a fazer a chamada “Leitura Orante” da Bíblia. Normalmente, é apresentada em quatro passos: leitura (o que o texto diz em si), meditação (o que o texto diz para mim, hoje), oração (o que o texto me faz dizer a Deus) e contemplação (como o texto me faz olhar a vida, tomar decisões, assumir compromissos). Evidentemente, antes de tudo, cada texto precisa ser bem compreendido. Muitas vezes nem se percebe que certas frase e palavras, por serem de outro tempo e cultura, podem ser estranhas para nossa época.

Dom José, ao falar aos participantes, agradeceu o esforço e dedicação de cada líder e incentivou a serem perseverantes em sua missão, superando as dificuldades e limitações.

A coordenadora diocesana repassou orientações recebidas da coordenação estadual, na última reunião do Núcleo Norte.

Finalizando, as coordenadoras paroquiais partilharam as ações que estão sendo realizadas e que constam do planejamento anual paroquial. Nesse contexto, assumiram dois importantes compromissos: organizar calendário no qual constem as datas das celebrações da vida em cada comunidade e data da reunião de reflexão e avaliação a ser realizada na paróquia e enviar às suas respectivas secretarias paroquiais; formar grupo de crianças acompanhadas pela Pastoral, para a oração do terço, conforme a realidade de cada comunidade.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais