Comunidade de Marcelino Ramos se revolta com derrubada de ipês-amarelos no caminho das termas

A comunidade de Marcelino Ramos foi pega de surpresa neste final de semana com a derrubada de alguns exemplares de Ipê-Amarelo, árvore símbolo do Brasil. Os ipês estavam na avenida Beira Rio, nas margens do lago da Usina de Itá, e foram derrubados por estar próximos da rede de alta tensão. O local era parada obrigatório para os turistas que chegavam as Termas de Marcelino para apreciar o lago e na época de florada os mesmos ficavam encantados com a beleza das flores que contrastavam com o verde, o lago e a as montanhas. A paisagem mudou completamente. Nas redes sociais, e através de e-mails encaminhados a redação do Portal de Marcelino, dezenas de pessoas se mostraram indignadas com a situação e cobram providências.

O corte foi efetuado com licença da Fundação do Meio-Ambiente do RS de acordo com informações repassadas pela RGE em documento que foi enviado a prefeitura de Marcelino Ramos. Foram removidas um total de 22 árvores.

Fonte: Portal de Marcelino Ramos 
1222

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais