Cadeia de frios para vacinas da Covid-19 já está preparada em Erechim

Como já é costumeiro nas manhãs se sexta-feira no programa Estúdio Boa Vista da Rádio Cultura, o entrevistado é o membro do Comitê Regional de Atenção ao Coronavírus, Jackson Arpini. Hoje (15), Arpini explanou que nos últimos dias o boletim regional estratificou uma mudança no desenho da curva epidemiológica dos casos ativos de coronavírus, passando de 200 para 279.

“O aumento aproximado foi de 39%. Provavelmente, estamos sentindo, os reflexos dos feriados de final de ano. Precisamos seguir monitorando com precisão para verificar se o aumento é pontual. Já as taxas hospitalares de ocupação são aceitáveis, estão na ordem de 39,13% para UTI, e 8,51 para leitos clínicos”, informou.

A região também segue organizando o levantamento do número de profissionais de trabalham na linha de frente, no combate ao coronavírus. Os mesmos, conforme secretaria estadual da Saúde, serão os primeiros a serem imunizados. Posteriormente, será a vez dos idosos em casas de abrigamento, idosos com mais de 60 anos, portadores de comorbidades e na sequência, os demais grupos prioritários.

Enquanto isso, segundo Arpini, Erechim já está preparado para receber as vacinas. “O Estado já repassou a 11ª Coordenadoria Regional de Saúde um refrigerador para imunobiológicos. Erechim e os municípios já tem sua cadeia de frios preparada para quando as doses chegarem. Temos estruturas próprias junto a vigilância em saúde e unidades de saúde, tendo em vista as tradicionais campanhas de vacina”, finalizou.

Por Carla Emanuele