Aviões da FAB levando cilindros de oxigênio chegam a Manaus

Aeronaves partiram de Guarulhos e desembarcaram na capital do Amazonas na madrugada desta sexta-feira. Estado vive escassez do produto para atender pacientes com covid-19

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Duas aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) chegaram no início da madrugada desta sexta-feira (15) a Manaus, no Amazonas, transportando cilindros de oxigênio. Os voos haviam partido da base aérea de Guarulhos, em São Paulo, na manhã e na noite de quinta-feira (14).

O Amazonas vive um colapso na área da saúde por conta da escassez de oxigênio para oferecer a pacientes com covid-19 em estado grave. O secretário de Saúde do Estado, Marcellus Campêlo, informou que o consumo diário de oxigênio teve um pico de 30 mil metros cúbicos em 2020 e, em janeiro deste ano, chegou a 70 mil metros cúbicos em apenas um dia.

De acordo com a FAB, as duas aeronaves são modelo C-130 Hércules. No total, 18 toneladas de cilindros de oxigênio foram levadas a Manaus — outras 24 toneladas já haviam sido levadas na segunda-feira (11).

Nesta sexta, a FAB também pretende iniciar o transporte de pacientes com coronavírus que estão em Manaus e precisam ser deslocados para outros Estados do país.

O planejamento é de duas aeronaves saindo da capital amazonense com destino a São Luís, no Maranhão; Teresina, no Piauí; Natal, no Rio Grande do Norte; João Pessoa, na Paraíba; Brasília, no Distrito Federal; e Goiânia, em Goiás; levando tanto pacientes quanto profissionais de saúde.

Fonte: GaúchaZH

Get real time updates directly on you device, subscribe now.