Pesquisa aponta que 97,74% dos clientes estão satisfeitos com o HC

Levantamento ouviu 6.458 usuários do hospital até agosto de 2018, e avaliou os serviços de Internação, Pronto Socorro, CDI e Laboratório

Primando pela excelência e qualidade no atendimento aos pacientes, o Hospital de Caridade de Erechim dá atenção especial ao seu Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC). Entre as responsabilidades do setor, sob os cuidados da gerência assistencial do HC, está a realização da pesquisa de satisfação dos usuários dos serviços de Internação, Pronto Socorro, Centro de Diagnóstico de Imagem (CDI) e Laboratório. Entre os itens avaliados estão o cuidado com o paciente, equipe médica e de enfermagem, recepção e parte administrativa, instalações, serviço de limpeza e nutrição.

Entre 1º de janeiro e 31 de julho de 2018, a pesquisa já ouviu a opinião de 6.458 clientes HC. Deste universo, 97,74% se dizem satisfeitos com o atendimento prestado.

‘Apesar do alto índice de satisfação registrado, estamos atentos a todas as considerações, críticas e sugestões que nos chegam via pesquisa, email ou telefone com o objetivo de qualificarmos ainda mais nossos serviços’, destaca o supervisor do SAC, Abrahão Isaac Ruas. Especificamente sobre a pesquisa de opinião – que é entregue a um número considerável de usuários (geralmente, entre 70% e 80%), Abrahão explica que os dados são coletados semanalmente, permitindo que determinadas respostas e ações sejam atendidas no menor tempo possível.

A pesquisa ainda permite que o paciente indique os colaboradores do HC que se destacam em seu trabalho, sendo que estes concorrem a premiações periódicas. “A partir da opinião de nossos clientes, entendemos que é importante reconhecermos àquelas pessoas que, em nome do hospital, realizam um atendimento diferenciado”, finaliza Abrahão.

Para o superintendente geral do HC, Claudiomiro Carus, os resultados do SAC servem de orientação a fim de garantir a melhor experiência possível ao cliente do hospital. ‘Os dados são discutidos pela Administração e pelas lideranças das respectivas áreas. Com este diagnóstico, conseguimos identificar os setores que merecem mais atenção, buscando promover as melhorias necessárias”, pontua Carus.

No ano passado, considerando um total de 12.051 pesquisas respondidas, o índice de satisfação foi de 97,99%.

 

Comentários estão fechados.