Aratiba começa a distribuição de kits de prevenção ao Coronavírus no interior do município

Máscaras e álcool gel estão sendo distribuídos gratuitamente para as famílias

Depois de distribuir o kit para os funcionários públicos e toda a população dos bairros da cidade, equipes formadas por agentes e profissionais da saúde com a colaboração de integrantes da Assistência Social e Emater começaram nesta semana a distribuição de kits nas propriedades rurais. Eles vão até as comunidades  para levar um kit composto por 2 frascos de álcool gel e duas máscaras e máscaras adicionais para cada integrante da família e repassar informações. O grupo esclarece sobre a importância do uso dos meios de prevenção, a forma correta de uso e da lavagem das máscaras.

A campanha atende as determinações do Decreto Municipal que tornou obrigatório o uso de máscaras nas ruas e em todos os estabelecimentos. A participação da comunidade foi determinante para a rápida confecção das máscaras. Voluntários, pessoas das comunidades, integrantes da assistências social e da Emater, mulheres das comunidades e  entidades participaram de um mutirão de confecção de máscaras para que todos os moradores sejam atendidos. “Nossa intenção é dar suporte para as pessoas terem condições de cumprir os decretos municipais e aumentar a segurança dos que precisam se deslocar na cidade e do interior para a cidade para fazer compras ou buscar serviços e também ter acesso à Unidade Básica de Saúde e o Hospital Comunitário”, destaca a secretária da Saúde, Mengele Wermeier.

Além do uso de máscaras está mantido no município o decreto que limita os deslocamentos e as atividades onde há aglomeração de pessoas.  O prefeito, Guilherme Granzotto, destaca que a prevenção é uma preocupação constante dos gestores, secretários, profissionais de saúde e por parte do comércio. “Desde os primeiros casos de coronavíus no Brasil e no estado, montamos uma verdadeira força tarefa  para tentar evitar a doença no município e  temos tido o total apoio dos moradores, que compreenderam que a prevenção é a nossa única arma para combater a pendemia”, disse.

 Os dados dão conta de que o município não possui nenhum caso confirmado da doença. Três pessoas com suspeita de terem a doença foram submetidas ao teste do Covid e testaram negativo. Atualmente, 11 pessoas que tem sintomas de gripe comum ou que viajaram para fora do município estão em monitoramento domiciliar.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais