HC adquire dois equipamentos de ventilação não invasiva para tratamento da covid-19

O Helmet, dispositivo em formato de capacete, visa evitar a entubação dos pacientes

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

O Hospital de Caridade de Erechim adquiriu dois novos equipamentos de ventilação não invasiva para o tratamento de pacientes com insuficiência respiratória grave decorrentes da covid-19 ou de outras complicações. Conforme o diretor técnico do HC, Paulo Dall´Agnol, neste momento os dispositivos – que têm formato de capacete e são conhecidos como ‘Helmet’ – visam evitar a entubação das pessoas acometidas com o coronavírus. 

Em razão da crescente quantidade de casos da doença registrados na região, Dall´Agnol explica que, por vezes, faltam respiradores para todos, sendo o Helmet uma alternativa capaz de evitar a ventilação mecânica (entubação). “O esforço da administração, médicos e das equipes de saúde do Hospital de Caridade em bem atender os pacientes ganha importante reforço com os novos equipamentos, que certamente auxiliarão no propósito de salvar vidas”, pontua o diretor técnico.

O diretor presidente, Cláudio Rogério Galli, e o superintendente geral do HC, Claudiomiro Carus, explicam que o hospital segue procurando junto ao mercado novas alternativas para garantir o atendimento da população do Norte Gaúcho, além de manterem em dia insumos básicos, como oxigênio. Desde o início de março, o Caridade quase dobrou o número de leitos de UTI covid-19, saltando de 8 para 15 – todos ocupados no momento.

Por Assessoria de Comunicação 

Get real time updates directly on you device, subscribe now.