Brigada Militar e Ministério Público fiscalizam 24 prisões domiciliares em Erechim

Nos últimos dias a Brigada Militar e Ministério Público, fiscalizaram 24 prisões domiciliares em Erechim. Constatou-se o descumprimento por parte de 14 apenados (58%).

Dentre eles, um apresentou endereço inexistente, seis não foram localizados em casa, um não foi localizado nem em casa/nem no trabalho, um foi encontrado em via pública e três, praticaram novos crimes (furtos a residências e arremesso de celulares para o presídio). A maioria destes apenados, haviam sido beneficiados com a prisão domiciliar por portaria da VEC Regional de Passo Fundo a pretexto da prevenção ao Covid-19.

Informações: Promotoria de Justiça de Erechim

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais