Resgate histórico

Há momentos que marcam. Na última semana, vivi um deles a partir de contato da amiga Jackie Schwartz (filha da Guitta, personagem principal do livro A Tenda Branca).

A Jackie comunicou que recebera a ligação de uma pessoa que havia ouvido falar do livro ‘A Tenda Branca’, da Editora Scriptum. Esta mesma pessoa enviou a Jackie a foto de um documento datado de 17 de outubro de 1944 onde consta o nome da Guitta (Gabriela), a data de nascimento dela (2 de setembro de 1928), a cidade de nascença (szatmárnémeti = Satu Mare, Romênia) e o número (12.647), que é o registro da Guitta na história do holocausto.

O referido documento é uma lista de transporte de judeus que estavam sendo transferidos de Gelsenkirchen para Sömmerda, na Alemanha. Quem leu o livro conhece esta história…

É gratificante saber que a obra está trazendo documentos tão preciosos. A própria Jackie resume: “acho que nun-ca tive um documento tão real da passagem dela nessa história tão absurda”.

Muito feliz e grato por, mesmo que de forma singela, fazer parte disso.

Por Salus Loch  

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais