Trabalho de profissionais de Erechim integra a 2ª edição da Revista EducaSesc

Any Sheila Madeira e Letícia Zabot produziram artigo sobre conhecimento socioambiental e cultural

O artigo de duas profissionais de Erechim faz parte da 2ª Revista EducaSesc. Ao todo, 14 artigos estão na edição deste ano, que apresenta relatos e estudos sobre Educação, Sustentabilidade, Envelhecimento Humano, Esporte e Lazer. Any Sheila Madeira e Letícia Zabot assinaram o trabalho Encantamento como base do conhecimento socioambiental e cultural. Publicada pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc, a revista é gratuita e está disponível exclusivamente no site do Sesc/RS: https://www.sesc-rs.com.br/educacao/revistaeducasesc, que traz como novidade a audiodescrição disponível nos QR Codes de cada página.
Além das participantes de Erechim a publicação também conta com colaboração de representantes de Carazinho, Novo Hamburgo, Viamão, Uruguaiana, Ijuí e Porto Alegre, além de Paraná e do Rio de Janeiro. A seleção de trabalhos para a próxima edição (2019) já está com inscrições abertas. O prazo para envio é até 31 de julho de 2019. Mais informações sobre as regras para a submissão de trabalhos estão disponíveis em: https://www.sesc-rs.com.br/educacao/revistaeducasesc. A Revista EducaSesc é uma iniciativa da Gerência de Educação e Ação Social do Sesc/RS, que busca promover a educação como um meio eficaz e fundamental para a transformação de uma sociedade. Assim, os conteúdos selecionados possibilitam a ampliação de conhecimentos e saberes nas referidas áreas temáticas.
    

Artigos da Revista EducaSesc :: 2ª Edição
– Educar é um exercício mágico, de Lilo Dorneles, de Foz do Iguaçu (Paraná)
– A etnomatemática na prática pedagógica, de Romário Nunes Lima e Mariana Souza Gomes Guimarães (Aracajú e Rio de Janeiro)
– Os sons do cotidiano, de Caren Franciele da Fonseca Kuhn de Paris, Liane da Silveira e Maura Cristiane Santana Carneiro (Novo Hamburgo)
– O desafio entre a formação continuada dos professores e o desejo, de Karen Eloá Silva Moreira (Porto Alegre)
– Direitos humanos: Uma longa e bonita caminhada, de Ralph Schibelbein (Viamão)
– Investigações nos espaços não estruturados na escola de educação infantil, de Beatriz Gisele Paludo (Carazinho)
– Estimular a leitura é formar cidadãos críticos, de Daiane Pujol Garcia Cavassa (Uruguaiana)
– Da experiência de vivenciar estudos simultâneos na educação infantil, de Rúbian Cândida Glienke (Ijuí)
– Práticas docentes: O uso do tablet com crianças autistas, de Cátia Regina Ramos Da Silva (Rio de Janeiro)
– Práticas de educação e cidadania: A participação da família no contexto de um projeto social, de Gislaine Cristina Pereira, Sílvia Zuffo e Eliana Perez Gonçalves de Moura (Novo Hamburgo)
– Cidadania em movimento: Direitos humanos e protagonismo da pessoa idosa, de Karin Alves do Amaral Escobar, Paola Karina Vidal Alves e Nathan da Cunha Gonçalves (Novo Hamburgo)
– Programa de preparação para aposentadoria: Processo de vida e saúde, de Ângela Gomes, Carolina Gasperin, Edenilson Bomfim da Silva e Lívia Ramalho Arsego (Porto Alegre)
– Encantamento como base do conhecimento socioambiental e cultural, de Any Sheila Madeira e Letícia Zabot (Erechim)
– Eco trilha: Da educação à sustentabilidade, de Cássia Beppler (Porto Alegre)

Comentários estão fechados.