Flávio Tirello paz e amor, mas longe do grupo do prefeito Schmidt

Nos últimos dias recebi informações de pessoas próximas e divulguei que, Flávio Tirello (PSB), que já foi candidato a prefeito, não descarta a possibilidade de fazer uma coligação com o MDB e que poderá concorrer a vice de Paulo Polis. Diante da repercussão nos meios políticos, na quarta-feira (10), entrevistamos Flávio no programa Estúdio Boa Vista da Rádio Cultura.

Durante a entrevista, o próprio Flávio deixou claro que pode rever a sua posição e até concorrer numa chapa com o MDB ou, com outros partidos. No entanto foi muito claro que não estará junto com o partido do prefeito Luiz Francisco Schmidt. Outra revelação é que seu pai, Luiz Antônio Tirello, até pode ajudar construir uma coligação, mas não fará parte da sua administração. Flávio Tirello foi muito paz e amor, não quis polemizar, mas deixou claro que com Schmidt não quer nem falar.

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.