Sandra Picoli requer que o Poder Executivo fiscalize com mais rigor os contratos com empresas terceirizadas

Na última segunda-feira (11), durante a realização da 12ª sessão ordinária do Poder Legislativo erechinense em 2020, a vereadora Sandra Picoli (PCdoB) levou ao plenário uma importante solicitação que diz respeito a muitos trabalhadores do município. No pedido de providências encaminhado ao Poder Executivo, a parlamentar pede que a fiscalização aos contratos com empresas terceirizadas que prestam serviço em Erechim seja mais rigorosa, a fim de evitar situações irregulares relatadas.

Segundo Sandra, a solicitação tem como objetivo atender às diversas reclamações de funcionários relacionadas à falta de fiscalização dos contratos de empresas que prestam serviços de limpeza em escolas, unidades básicas de saúde, coleta de rejeitos e limpeza nas ruas. “São casos referentes a pagamentos atrasados, não cumprimento do piso, falta de Equipamentos de Proteção Individual [EPIs] adequados, adicional de insalubridade em desacordo com a lei, registro na carteira digital diferente da ocupação real e falta de depósito de FGTS, o que impede o encaminhamento de seguro desemprego e auxílio emergencial”, enumera.

A vereadora ressalta que encaminhará um ofício ao Ministério Público do Trabalho para relatar a situação, e espera providências por parte do Poder Executivo. “A Prefeitura é responsável pela fiscalização exigindo o cumprimento das leis trabalhistas, ou poderá responder judicialmente no caso de ações movidas pelos trabalhadores destas empresas, caso comprovada a falta de fiscalização”, enfatiza.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais