Buscas por professora desaparecida em Marcelino Ramos são intensificadas

Mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Santa Maria estão auxiliando nas buscas pela professora Lusiane Althaus, que desapareceu em Marcelino Ramos no início da tarde de sexta-feira, 09 de fevereiro.

Segundo informações, Althaus estava hospedada em um hotel nas Termas do município e teria saído para meditar às margens do Rio Uruguai, logo após o meio-dia. Como não retornou, foi procurada por conhecidos que encontraram no local onde ela supostamente estaria, algumas roupas e uma toalha.

A parte do rio que passa pela área onde a professora estaria meditando é de grande profundidade e os mergulhadores de Santa Maria foram acionados por serem especialistas em buscas neste tipo de local, já que a suspeita é de que ela tenha sido vítima de afogamento.

Althaus é natural de Ibirapuitã e atualmente reside em Ernestina, onde leciona. Ela visitou Marcelino Ramos a passeio.

Comentários estão fechados.