Ponte na localidade de Vau Grande em Cruzaltense em fase de aterramento

Depois de concluída a obra de construção, o  governo municipal de Cruzaltense está executando as obras complementares da ponte que liga o município a São Valentim e ao Oeste Catarinense.  O aterro da primeira cabeceira já está concluído e consumiu 11mil m³ de terra, o equivalente a 1.100 cargas de caminhão. Agora, está sendo executado o aterro da segunda cabeceira e obras de pintura e sinalização. Também está sendo instalado o guarda-corpo e feito o fechamento da lateral destinada à passagem de pedestres.

Ainda está prevista a instalação das placas de sinalização. Depois disso, a obra vai passar por uma vistoria final por parte de técnicos do Ministério da Integração Nacional para ser liberada ao tráfego. O prefeito em exercício, Nelson Franklin da Silva, informou, também, que já está sendo desenvolvido o projeto para instalar iluminação na ponte.

A ponte tem 130,5 metros de comprimento, 8,20 metros de largura e está 6,10 acima do leito do rio. A obra é um dos maiores investimentos feitos pelo Governo Federal em infraestrutura na região e custará R$ 2,6 milhões. Importante para o escoamento da produção agrícola do município, a ponte também vai abrir uma rota alternativa beneficiando os moradores de toda a região de Campinas do Sul.

Os motoristas e transportadores poderão fazer o percurso do município de São Valentim direto para Cruzaltense, reduzindo a viagem em 50 km. Hoje para chegar a Cruzaltense os motoristas tem que passar por Erechim, Paulo Bento, Jacutinga e Campinas do Sul. Para os moradores da margem direita do Rio Erechim  a ponte representa uma redução de 30 km no trajeto até a sede do município.

 

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais