Barão conquista 1º e 4º lugares no GP do Conhecimento da Faculdade IDEAU

Às 15 horas e 18 minutos e 23 segundos os estudantes da equipe 59, do Instituto Anglicano Barão do Rio Branco (IABRB), enviaram a resposta da última questão no 8° GP do Conhecimento. Aguardando a classificação, junto com as mais de 70 equipes que participaram da competição promovida pela Faculdade IDEAU de Getúlio Vargas, Eloisa de Páris Paz, Gabriel Minozzo Torres, Júlia Berdian Sartor, Júlia Leidens e Tainá Durli já sabiam, desde o início da tarde desta terça-feira (8), que o desafio seria decidido assim, segundo a segundo.

“Recebemos a notícia com muita alegria, mas também ficamos surpresos, pois a competição estava bem concorrida. Na nossa avaliação, as questões da área de Humanas foram as mais complexas”, conta Eloisa, que já está aprovada no curso de Biologia na Universidade Estadual no Paraná. Além da futura bióloga, a equipe vencedora desta edição do GP do Conhecimento é composta pelos estudantes que farão vestibular para os cursos de Medicina (Júlia Berdian Sartor e Tainá Durli), Direito (Gabriel Minozzo Torres) e Engenheira Civil (Júlia Leidens). E este é o intuito da competição: auxiliar os estudantes das escolas da região na preparação para o ENEM vestibulares, em um jogo de perguntas e respostas.

“Para nós é uma grande satisfação trazer mais este prêmio para a nossa escola. As colocações de destaque que tivemos representam um conjunto de esforços que parte das famílias, direção, alunos, professores, coordenação, orientação. Sem dúvida o 1º e 4º lugares são a maior prova de que a soma de todos estes esforços é positiva”, destaca a coordenadora do Ensino Médio do Barão, Lenita Ransolin Brugnerotto. Como novidade desta edição, a coordenadora ressalta a presença de representantes de escolas participantes entre os jurados da competição. “Pude acompanhar todo o processo como juíza do jogo, foi uma experiência muito legal. As questões eram atuais, voltadas aos últimos vestibulares: tudo o que já foi trabalhado pelos nossos professores”, complementa Lenita.

Com menos de um minuto de diferença e uma questão, a equipe 17, também do Barão do Rio Branco, garantiu a quarta colocação. A equipe 17, formada por Bárbara Cassol, Gabriela Sezne, Júlia Gollo Sarnoski, Júlia Ryl e Matheus Müller, praticamente os mesmos nomes que venceram o Conecta URI

em setembro deste ano, considerou Geografia a disciplina com as questões mais difíceis. “A nossa diferença, em relação a equipe que conquistou o 3º lugar, foi de 2 segundos. Já em relação ao Conecta, hoje tivemos menos acordo entre as respostas, cada um achava que uma era correta”, avalia Gabriela Sezne.

Como forma de premiação, as equipes receberam valores em dinheiro e troféus.

Comentários estão fechados.