União de esforços contra o sarampo e a poliomielite

Unir esforços e concentrar trabalhos na conscientização da população com relação a importância da prevenção através da vacinação. Este foi o mote do lançamento da Campanha de Vacinação contra a Poliomielite e o Sarampo ocorrido na manhã desta sexta-feira, 10, no Auditório da Secretaria Municipal de Saúde.

Presentes, além dos parceiros da campanha, ou seja, a Unimed, Centro Hospitalar Santa Mônica, Fundação Hospitalar Santa Terezinha e Hospital de Caridade e Clubes Rotários (Rotary, Interact, Rotaract Kids e Casa da Amizade), o prefeito Luiz Francisco Schmidt e secretários, o presidente do Poder Legislativo Rafael Ayud e vereadores, funcionários da Pasta e convidados que puderam ouvir o chamamento do secretário da Saúde, Jackson Arpini para esta grande ação que envolverá a comunidade de Erechim.

Como foco está a motivação de todos os pais para a imunização de seus filhos através da vacinação de crianças de 12 meses a menores de cinco anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) de 6 a 31 de agosto, tendo como dia D, 18 de agosto, oportunidade em que as Unidades Básicas de Saúde não fecharão ao meio dia para imunizarem o máximo de crianças possíveis. Esta Campanha dá seguimento aos trabalhos da Campanha Atchim contra a gripe que tem os mesmos parceiros.

Representando o Rotaract, Gabriela Tobaldi falou sobre a importância da Campanha da Pólio no mundo, que tem a efetiva participação dos Clubes Rotários. “Temos que quebrar os tabus com relação a vacinação e, para tanto, auxiliamos na confecção do folder explicativo para que o maior número possível de pais tenham em mente a importância do ato. Vital a conscientização de toda a comunidade”.

O presidente do Poder Legislativo, Rafael Ayub lembrou quando de sua chegada em Erechim, oportunidade em que a cidade vivia um momento crucial da vacinação na prevenção da  H1N1. “De máxima importância a vacinação para que haja a prevenção. A doença está erradicada, mas deve-se prevenir e, para tanto, a vacina do SUS é tão boa quanto de qualquer laboratório ou de empresas privadas”.

Luiz Francisco Schmidt, em sua manifestação, destacou a felicidade em ver todos os agentes inseridos em uma grande Campanha. “Uma oportunidade de caminharmos juntos e isso é o segredo do sucesso. Um dia também vamos descobrir o quanto podemos fazer, mesmo com poucos recursos. Vamos avançar divulgando e vacinando, que cada um de nós seja um grande propagador desta campanha”.

Jackson Arpini pontuou que o que está se propondo à sociedade é um grande ato de mobilização para o sucesso da Campanha. “Temos um grande desafio pela frente, estamos aquém da expectativa, o que demonstra o resultado positivo de nosso trabalho. Uma boa parte do trajeto já conseguimos transpor, daí a importância da união de esforços, pois temos grandes desafios pela frente. Mobilizar, motivar e conscientizar os pais com relação a vacinação e a imunização, instigar a comunidade para que tomem as medidas necessárias”, ressalta.

Arpini garantiu que a meta é mobilizar cerca de seis mil crianças no município de Erechim, ou seja, vacinar 95%, como conscientizar as crianças e adultos com relação a completar todo o esquema vacinal, ou seja, atualizar ou fazer as vacinas não aplicadas até então. “Todas as pessoas tem a oportunidade de vacinar, pois as doses já estão à disposição nas Unidades Básicas de Saúde. Devemos ter a ciência que as doenças estão voltando pela inércia da sociedade”.

Finalizando os trabalhos, a médica comunitária Katia Fulgueiras falou sobre o sarampo, ou seja, os perigos da volta da doença e as suas consequências.  Também pontuou a importância da conscientização dos pais, em especial, para levarem seus filhos para serem vacinados.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais