Campanhas Franciscanas: propagandas eleitorais estão muito mais simples

Quem acompanhou os programas eleitorais no rádio e televisão durante a última semana, pôde observar o quão “franciscanas” estão sendo as campanhas deste ano. Diferentemente de campanhas passadas, onde as superproduções prevaleciam no rádio e televisão, as propagandas eleitorais estão muito mais simples. Se algum tempo atrás as superproduções dos programas eleitorais de TV eram verdadeiros filmes, atualmente não passam de produções baratas, objetivas, mas que ainda contam com o poder de mudar o voto de muitas pessoas. Os investimentos nesta área podem até ter diminuído, porém, a importância e capacidade de mudar a corrida eleitoral, não.

 

Por Fabio Lazzarotto

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais