AGER pede que Câmara de Vereadores aprove compra de imóvel no valor de R$ 750 mil

O presidente da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Municipais de Erechim – AGER, Valdir Farina, mal assumiu a presidência e já quer comprar um imóvel no valor de R$ 750 mil para a sede própria. Na quarta-feira (8), o presidente esteve reunido com os vereadores para tentar convencê-los.

É difícil entender a AGER, não realiza nenhum trabalho educativo na preservação dos mananciais, nascentes que abastecem a cidade e nem mesmo, sobre o consumo consciente da água. Se não bastasse, a maioria da população não sabe qual objetivo da agência reguladora e ainda, quer comprar um imóvel de R$ 750 mil.

O dinheiro da AGER é oriundo da taxa mensal na conta da água e da própria passagem do transporte coletivo urbano.

Por Egidio Lazzarotto