Consumidores de gás buscam alternativas para economizar

O preço de gás de cozinha está mais caro em Erechim. O reajuste feito pela Petrobrás entrou em vigor nesta terça-feira (6) e elevou o custo em 8,5%  no caso do GLP com botijão de 13Kg. Segundo a Petrobrás, a desvalorização do real frente ao dólar e as elevações nas cotações internacionais do GLP foram os principais fatores para a alta. Houve também um aumento no consumo de energia elétrica e lenha para o preparo de alimentos.

 

Alternativas para economizar

Com a suba dos valores, o consumidor está procurando alternativas para economizar na hora de preparar os alimentos. Uma das alternativas foi substituir o uso do fogão a gás pelo microondas, forno e chaleira elétrica e até o velho fogão a lenha vem ganhando destaque nas cozinhas, sejam elas residenciais ou industriais. Já os agricultores que utilizam aquecedores a gás nos aviários estão optando pela uso da lenha ou carvão.

 

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.