Ação de combate a dengue recolhe 200 cargas de lixo em terrenos e pátios privados

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Desde janeiro, a equipe da Vigilância em Saúde tem intensificado as ações de combate ao Aedes Aegypti, mosquito transmissor da Dengue, e também de doenças como Chikungunya e Zika. Já foram realizados 2.000 bloqueios de transmissão, próximo as casas das pessoas que confirmaram a doença, e também o recolhimento de 200 cargas de lixo em terrenos e pátios privados, mesmo que o papel dessa limpeza não ser de competência do Poder Público. As ações foram realizadas por serem consideradas estratégicas em locais críticos para proliferação do mosquito. Nesta semana, a Vigilância em Saúde está encaminhando o aluguel de 100 contêineres de tele entulho para distribuir pelos principais bairros da cidade. A Prefeitura de Erechim vem intensificando também a fiscalização e poderá autuar e multar aqueles que descumprirem as normas e mantiverem os pátios e terrenos com acúmulo de lixo.

Além disso, a Defesa Civil tem auxiliado em todas ações, como nos mutirões de recolhimento de lixo, e também executado a operação ‘Dengue Não’, que realiza dedetização em locais determinados pela vigilância. Já foram aplicados 3.500 litros de inseticidas em sete etapas da operação que contemplou 10 bairros. Também já foram realizadas aplicações de inseticidas com o conhecido “fumacê”, com um veículo da Secretaria Estadual de Saúde. Nesta quinta-feira, uma nova ação com este recurso será realizada nos bairros Progresso e Cristo Rei.

Até está quinta-feira (8), os números já consideram o município de Erechim em Epidemia de Dengue. Já foram realizadas 1.285 notificações, com 377 confirmados, 237 negativos e 400 em análise.

Morte confirmada por Dengue Hemorrágica

A Secretaria de Saúde de Erechim, confirmou nesta quinta-feira (8), a primeira morte por dengue hemorrágica em 2021 no município. Se trata de um homem, de 90 anos. O óbito foi no dia 31 de março no Hospital de Caridade.

A dengue hemorrágica é uma reação grave do organismo ao vírus da dengue, que leva ao aparecimento de sintomas mais sérios que a dengue clássica e que podem gerar alteração dos batimentos cardíacos, vômitos persistentes e sangramentos nos olhos, gengiva, ouvidos e/ou nariz, o que pode levar a morte.

Assessoria de Comunicação Social – ASCOM
Prefeitura Municipal de Erechim

Get real time updates directly on you device, subscribe now.