Governador reconhece e promete corrigir tratamento injusto com Hospital Santa Terezinha

O Prefeito Luiz Francisco Schmidt manteve na capital do Estado duas importantes audiências com o Governador Eduardo Leite. A primeira ocorreu no dia 5, terça feira. Estavam presentes no primeiro encontro a Secretária de Saúde do Estado Arita Bergmann, a diretora do Departamento de Assistência Hospitalar e Ambulatorial (DAHA) Lisiane Fagundes, o governador Eduardo Leite, o Secretário do Desenvolvimento Econômico Altemir Barp e o Prefeito Schmidt.

A outra audiência que o Prefeito Luiz Francisco Schmidt manteve com o governador, Secretária de Saúde e a diretora do DAHA, foi nessa quarta feira, 6, e contou com a participação do Presidente da AMAU, prefeito Juliano Zuanazzi de Marcelino Ramos, Prefeitos de Barra do Rio Azul Marcelo Arruda, de Gaurama Leandro Márcio Puton, Deputados Gilberto Capoani, Dirceu Franciscon e Ederildo Paparico Bacchi, além do Diretor do Hospital Santa Terezinha Hélio José Bianchi. Foi demonstrado através de relatórios o quanto o hospital é preterido pelo Estado.

O Prefeito Schmidt aproveitou o momento para dizer que o Hospital Santa Terezinha é importante não só para Erechim e Região, mas também para o Estado. Por sua vez, o governador reconheceu o tratamento injusto que o hospital recebe há anos. Segundo Eduardo Leite “precisamos corrigir esta injustiça urgentemente”.

Foram duas audiências consideradas importantes diante do dilema que vive o Hospital Santa Terezinha, mas muito proveitosas na medida em que o Governador sinalizou que vai corrigir essas distorções.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais