Pórticos na entrada da cidade

Há poucos dias estive na vizinha cidade de Áurea e me chamou atenção o seu pórtico de entrada, que retrata a imigração polonesa naquele município. Este modelo de pórtico bem que poderia ser adotado em nossa cidade, na Rua Sidney Guerra, próximo ao trevo da BR 153, que é nossa principal entrada para quem vem do centro do país. O mesmo poderia servir também como uma fonte de informações para quem visita a nossa cidade, ao contrário do pórtico na entrada pela Avenida Sete de Setembro, que não tem nenhuma serventia como ponto de informações.

A iniciativa de construir um pórtico de entrada na nossa cidade foi muito boa, só que o propósito para o qual foi criado virou um “elefante branco”, sem serventia. Porque não construir um pórtico com as características do nosso Castelinho e telhado com telhas de barro, e não com vidro como o da Avenida Sete de Setembro, daí poderia servir como um local de informações para quem chega a Erechim.

 

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.