Sandra Picoli apresenta projeto que institui o Dia Municipal de Conscientização pelo Respeito à Diversidade

Em uma sociedade cada vez mais plural sob os mais diversos aspectos, é intolerável que ainda haja preconceito, discriminação e violência baseados unicamente na incapacidade de alguns em conviver com diferenças. A realidade, no entanto, mostra que esse cenário continua muito presente, seja no mundo, no país ou menos no município. Com a finalidade de chamar a atenção para esta situação e sensibilizar a população sobre a importância de cultivar o respeito a todo e qualquer indivíduo, a vereadora Sandra Picoli (PCdoB) protocolou, nesta terça-feira (7), um projeto de lei que institui o Dia Municipal de Conscientização pelo Respeito à Diversidade, a ser celebrado anualmente em 21 de maio.

A escolha pela referida data faz alusão à Declaração Universal da UNESCO sobre a Diversidade Cultural, aprovada em 21 de maio de 2001. Segundo a parlamentar autora do projeto, a iniciativa tem como objetivo conscientizar a comunidade não somente sobre um nicho específico da diversidade, mas aos mais variados, como raça, orientação sexual, religião, ideologia, origem étnica, diversidade funcional (incapacitação), gênero e aparência. “Infelizmente, em pleno século 21, ainda há quem ignore, discrimine e até agrida alguém, muitas vezes fatalmente, baseando-se em algo irracional e sem sentido como o ódio à diferença”, rechaça Sandra.

Eventos marcarão a data – De acordo com o projeto, uma série de atividades deverão ser promovidas pelo poder público – sempre voltadas à conscientização da população –, como reuniões, palestras, seminários, workshops, espetáculos culturais e outros eventos a serem planejados.

Comentários estão fechados.