Alto Uruguai terá uma mulher disputando vaga na Câmara Federal

O PCdoB da região do Alto Uruguai já tem pré-candidata a uma vaga na Câmara Federal nas eleições de outubro. Eleita em 2016, logo em seu primeiro pleito ao Legislativo erechinense, a vereadora Sandra Picoli se lança, agora, na disputa para representar a região em Brasília, visando defender os reais interesses da população de Erechim e demais municípios vizinhos. Sandra fará dobradinha com o deputado estadual Juliano Roso, que disputa a reeleição pelo PCdoB.

Desde o início das tratativas para decidir se lançaria um nome nestas eleições, o partido priorizou a escolha por uma mulher, reforçando sua filosofia de luta por uma política mais igualitária, que abre o debate a todas as classes, cores, gêneros e orientações sexuais. Com origens na agricultura familiar, Sandra trabalhou como empregada doméstica até ser eleita, destacando-se por sua intensa participação na comunidade. Em pouco mais de um ano de mandato, mesmo “novata” no meio político, chama a atenção pelo empenho em atender às demandas da população, fato que contribuiu para o expressivo aumento de sua popularidade.

A pré-candidatura da vereadora Sandra Picoli à Câmara Federal representa a oportunidade de renovação na política – a tão desejada, mas nunca praticada, renovação política. O fato de a pré-candidata estar apenas em seu primeiro mandato – e mesmo assim já ter provado de que é capaz de fazer a diferença – não deve ser tão levado em conta quanto sua vontade de representar e defender o Alto Uruguai em questões que realmente interessam à população da região, tão carente de um representante que pense grande.

Lançamento de comitê

No próximo dia 12 de maio, será realizado um ato político de lançamento do comitê regional de pré-candidatura de Manuela D’Ávila à Presidência da República. A atividade terá local e horário definidos em breve.

Comentários estão fechados.