Rafael Ayub questiona o Executivo sobre equipes do Santa Terezinha em caso de ativação de ala para pacientes do Covid-19

​Com a situação vivida em decorrência da pandemia do novo coronavírus, boa parte do trabalho dos parlamentares voltou-se a este tema. Na sessão ordinária realizada na última segunda-feira (6), o vereador Rafael Ayub (MDB) encaminhou ao Poder Executivo um requerimento em que solicita informações a respeito da preparação de equipes da Fundação Hospitalar Santa Terezinha em caso de ativação da ala exclusiva para pacientes do Covid-19. Ayub questiona se já foram definidas as equipes principal e secundária, bem como se funcionários que integram o grupo de risco foram afastados destas equipes, e se existe alguma medida em relação à viabilização de local para os profissionais morarem enquanto são expostos a pacientes com a doença.

​“Profissionais da área da saúde consideram que a situação da pandemia, ainda que haja protocolos que direcionem como proceder, é completamente estressante e incerta. Eles vivem em meio a diversas dúvidas: se haverá leitos, insumos ou profissionais suficientes para atender às demandas nos hospitais”, analisa o vereador, reforçando que dar suporte e as melhores condições possíveis a estes profissionais será fundamental para que a pandemia seja superada com o mínimo de danos. “Entendemos ser essencial um bom planejamento em relação à proteção dos profissionais da saúde, para evitarmos as contaminações entre os mesmos e protegermos suas famílias, bem como estarmos mais preparados para o combate da doença, se realmente aumentarem os casos em nosso município”, completa Ayub.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais