Secretário Arpini e Senador Luiz Carlos Heinze em audiência com o Ministro da Saúde

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Na manhã de terça-feira, 04, o secretário de Saúde, Jackson Arpini, acompanhado Deputado Federal e Senador eleito, Luis Carlos Heinze, estiveram em audiência com o Ministro da Saúde, Gilberto Occhi. Na ocasião, foram debatidas a reforma do Pronto Socorro da FHSTE, as unidades de saúde do programa Requalifica UBS, e a certificação da FHSTE como Hospital de Ensino (HE).

Com relação ao projeto da reforma do Pronto Socorro, o ministro informou que a demanda já conta com parecer favorável da área técnica e que no momento aguarda posição financeira, para empenho e liberação dos recursos, que está na programação do órgão ministerial.

Ciente da importância do Pronto Socorro para a região do Alto Uruguai, o deputado Heinze pediu atenção especial do ministro ao projeto. “O hospital realiza todos os atendimentos pelo SUS e é referência para uma região da AMAU e para outros municípios do Estado. Esta é uma obra que pode beneficiar uma população de cerca de 230 mil habitantes do Alto Uruguai”, afirma.

Arpini explanou ao ministro sobre a construção da UBS Progresso, obra que a princípio será realizada com recursos da municipalidade, e aproveitou o ensejo para pleitear parcerias com o Ministério da Saúde, pela relevância da obra para a Rede Municipal de Atenção à Saúde. O ministro passou o tema para o assessor técnico Sérgio Luiz da Costa, que acompanhou o encontro, para estudo de viabilidade e levantamento de informações complementares.

Por fim, foi tratado outro assunto de interesse do município de Erechim e região, referente à certificação de Hospital de Ensino para a FHSTE, que também tramita nos órgãos.

Occhi argumentou que essa demanda é interministerial, atrelada aos ministérios da Educação e Saúde, e que no momento os ministérios estão aguardando a publicação de nova legislação, para dar prosseguimento nos processos.

Segundo Arpini, a reunião foi produtiva, porque estamos encurtando distâncias entre o município e o órgão ministerial. “A apresentação de projetos e a permanente interlocução com Brasília pode trazer como dividendos importantes recursos federais”, pontuou o secretário.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais