Falta de escrituras paralisam obras de escola

Na última semana entrevistamos na Rádio Cultura a secretária de Educação, Vanir Bernardi Bombardelli, que trouxe uma informação que parece inacreditável sobre as obras na Escola Caras Pintadas, que estão paradas desde o início da atual administração. “As obras estão paralisadas porque quando nós fomos fazer o projeto da segunda etapa da nova escola, nos demos por conta que não havia escritura.

O terreno pertence ao estado, que no passado foi repassado para os Vincentinos através de uma concessão. Na época em que foi construída a escola velha, a mais de 20 anos, isso podia, mas hoje não é mais permitido. Nós já estamos fazendo o levantamento topográfico para depois encaminhar as escrituras. Já estamos negociando com o estado para viabilizar quanto antes essa cedência ou fazer uma permuta com outra área do município para retomarmos as obras”, destaca a secretária Vanir.

Novela das escolas infantis segue no próximo ano

Quando questionada sobre a novela das duas escolas infantis, que estão com as obras paralisadas a mais de dois anos por causa do abandono por parte da construtora, Vanir destacou: “Já conseguimos resolver a parte burocrática junto ao Ministério da Educação, já temos a edital da escola do bairro Copas Verde pronto para ser publicado. Com relação à escola do bairro Maria Clara, estamos concluindo o projeto para que até o início do próximo ano possamos fazer a licitação”.

Mas ela não quis fixar data para o término das obras. “Não gosto de fixar data para término de obras, acredito que a primeira pode ficar pronta no meio de 2019 e a segunda até o final do ano, se nada acontecer”. Pelo relato da secretária Vanir, o final da novela das duas escolas infantis ficará para o final de 2019 e início de 2020.

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.