Instituto Erechinense de Previdência apresenta números de 2018 ao presidente do Legislativo

Responsável desde 2015 pelos processos de aposentadoria dos servidores públicos concursados no município, o Instituto Erechinense de Previdência (IEP) tem, mesmo em poucos anos, alcançado êxitos significativos no trabalho desempenhado. Na última semana, o presidente do Poder Legislativo, Alderi Oldra (PT), recebeu em seu gabinete o presidente da entidade, Renato Alencar Toso, juntamente com o presidente do Conselho Administrativo, Celso Spivakoski, e o conselheiro Leandro Zamboni. Na ocasião, os representantes do IEP apresentaram os números referentes a 2018, quando finalizou o ano com o expressivo montante de mais de R$ 72 milhões em caixa.

Recentemente reconduzida para mais três anos a frente do instituto, a atual diretoria levou ao conhecimento do presidente da Câmara o quão eficiente tem sido a equipe. “É importante que este mesmo pessoal dê continuidade ao trabalho que ela mesma iniciou, um trabalho de muita seriedade, competência e responsabilidade, que conduz seus servidores a uma aposentadoria saudável, fortalecida e com bons rendimentos”, elogia Oldra, destacando a relevância deste regime de previdência próprio. “Encerrar o ano com mais de R$ 72 milhões em caixa é muito significante, é um valor que acaba gerando uma receita de rendimentos extraordinária todo ano”, completa.

Entre 2015 e 2018, cerca de 150 servidores se aposentaram via IEP, incorporando todos os ganhos durante a carreira. Mais de 50% dos rendimentos ajudam a cobrir as despesas da entidade, entre aposentadorias e manutenção da estrutura. Para Oldra, os dados apresentados provam que o instituto é exemplo de boa gestão. “Em apenas três anos o IEP demonstra que é um regime que não só pode dar certo, como está dando certo”, completa o presidente.

Comentários estão fechados.