COVID-19: 189 casos confirmados em Chapecó

O município de Chapecó divulgou, na manhã desta terça-feira (5), nova atualização sobre o coronavírus. São 189 casos confirmados. Onze pacientes estão recuperados. Não há óbitos.

CONFIRA OS NÚMEROS

Conforme anunciado no dia anterior, quem desobedecer normas e colocar em risco a saúde pública será autuado e pode até ser detido em Chapecó. Os pacientes diagnosticados com Covid-19 recebem e assinam um termo de consentimento e se comprometem a ficar em isolamento domiciliar. No entanto, alguns não seguem as normas e colocam em risco a saúde de outras pessoas, ao participarem ou promoverem encontros e aglomeração de pessoas.

A secretária municipal de saúde, Maristela Rocha, informou que esse termo de consentimento tem embasamento legal e que a partir desta semana quem descumprir as normas sanitárias será autuado e a Polícia Militar acionada.

Um número de telefone para denúncias foi divulgado nesta manhã pelo prefeito de Chapecó, Luciano Buligon. O serviço funcionará também aos finais de semana. O Disque-Denúncia é o 3321-0034.

O prefeito Buligon anunciou ainda a ampliação do Pronto Atendimento da Efapi, transformando o local em um novo ponto de triagem médica, em decorrência da pandemia do novo coronavírus.

Fonte: Rádio Chapecó 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais