Vacinação contra Influenza é prorrogada até o dia 15 de junho

Devido a paralisação dos caminhoneiros em todo o Brasil, o Ministério da Saúde resolveu prorrogar a Campanha de Vacinação Contra a Influenza (gripe) que deveria ser encerrada no último dia 1º, para o dia 15 deste mês.

A informação foi dada pelo Secretário Municipal da Saúde, Jackson Arpini na manhã desta segunda, 04, ressaltando que as regras serão as mesmas adotadas até então.

O objetivo é vacinar as pessoas dos grupos prioritários, ou seja, idosos com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas até 45 dias após o parto, crianças de seis meses a quatro anos e 11 meses e 29 dias, trabalhadores da saúde, indígenas, pessoas portadoras de doenças crônicas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas e professores de escolas públicas e privadas.

Devido ao número levantado até o momento, o que ficou além do esperado, Arpini faz um apelo aos grupos de risco, em especial, crianças e gestantes, que estão com a metas aquém do preconizado, para que compareçam as unidades de saúde a fim de realizarem a imunização contra a influenza A e B.

“Com a chegada da temperatura mais fria, a vacina passa a ser uma importante medida de prevenção, evitando o aparecimento de enfermidade, doenças respiratórias decorrentes, internações e, em casos mais graves óbitos”, pontua.

Após o dia 15, a vacinação será aberta para a população que não está enquadrada nos critérios elencados como prioritários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais