UFFS oferta 16 vagas para indígenas em cursos superiores

Processo seletivo ocorre por meio de prova composta por redação e questões objetivas

105

Indígenas que queiram cursar um curso superior gratuito devem ficar atentos: a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) está com inscrições abertas para o processo seletivo voltado exclusivamente a este público. Só no Campus Erechim são ofertadas 16 vagas divididas entre as seguintes graduações: Arquitetura e Urbanismo, Agronomia, Ciências Sociais, Engenharia Ambiental, Filosofia, Geografia, História e Pedagogia. As aulas iniciam em 2018.

As inscrições ocorrem até o dia 25 de outubro na Secretaria Acadêmica do campus (Sala 102 do Bloco A). Outra opção é fazer o procedimento via Correios/Sedex até o dia 18 de outubro. A seleção ocorre por meio de uma prova a ser aplicada no dia 19 de novembro, constituída por uma redação e por 25 questões objetivas envolvendo Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia e Ciências Naturais.

Mais informações estão no edital do processo seletivo, disponibilizado em www.uffs.edu.br, ou, ainda, pelo telefone (54) 3321-7031 ou 7068.

PIN O processo seletivo é uma das ações do Programa de Acesso e Permanência dos Povos Indígenas (PIN) da UFFS: um instrumento de promoção dos valores democráticos, de respeito à diferença e à diversidade socioeconômica e étnico-racial, mediante a adoção de uma política de ampliação do acesso aos cursos de graduação e de estímulo à cultura, ensino, pesquisa, extensão e permanência na UFFS. O aluno indígena selecionado através do processo seletivo será considerado aluno regular, tendo as mesmas prerrogativas e deveres dos demais alunos da instituição.

Foto: Prova será aplicada no dia 19 de novembro (Créditos: Dolisete Levandoski/Divulgação/UFFS)

Você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.