Relações étnico-raciais farão parte do currículo da Educação Básica

O governador José Ivo Sartori assinou na última terça-feira (28), decreto que cria o Plano Estadual de Implementação das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-Raciais. A medida determina a inclusão da educação das relações étnico-raciais nas redes estadual, municipal e privada, bem como as histórias e culturas afro-brasileiras, africanas e dos povos indígenas.

Com o decreto, a questão multirracial passa a ser tratada como tema transversal de todo o currículo da Educação Básica. As escolas precisarão adotar uma metodologia para trabalhar as culturas afros e indígenas.

Levando-se em conta os recentes casos de racismo registrados dentro de universidades do Rio Grande do Sul e do Brasil, o decreto se faz mais do que necessário para tentar frear esse perigoso e triste retrocesso comportamental de alguns indivíduos.

Por Alan Dias 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais