Informática Básica como forma de inclusão em Cruzaltense

Nailda Moreira da Silva tem 61 anos e é agricultora, acha que chegou a hora de saber “o que todo mundo sabe”.   Tauana Oliveria de 22 anos, acredita que precisa ter um emprego melhor. O aprendizado tem finalidades diferentes, mas estas duas gerações tem um comum o desejo de conhecer, pelo menos, o básico da informática. Por isso, elas estão no grupo que está fazendo o curso com duração de quatro dias e que oferece conhecimento sobre como escrever no computador, acessar as redes sociais, mandar e receber e-mails e navegar na Internet.

O instrutor do curso, Alexandre Dallazem, formado em Ciências da Computação, também dá cursos de Inclusão Digital e Nota Fiscal Eletrônica, mas considera que a Informática Básica é a mais gratificante. A maior parte dos alunos do curso já passou dos 50 anos. “Por isso, este conhecimento, por simples que seja, ajuda a tirar as pessoas do isolamento e encurta as distâncias”, avalia.E é esta expectativa que fez Nailda se matricular no curso. Ela diz que quer se comunicar, ver coisas, conversar com os filhos. Está animada com a rede de fibra ótica que está sendo instalada na comunidade em que mora e tem planos de comprar um computador. Na casa da agricultora Luci Girelli DallAgnol, de 68 anos  já tem Internet e computador, mas ela precisava aprender o básico para poder tirar proveito da tecnologia. Além do curso de informática está fazendo Educação de Jovens e Adultos. “Sempre tive o sonho de estudar e nunca é tarde para buscar uma vida mais saudável e ser um pouco mais feliz”, afirma, animada com a possibilidade de  ter um novo passatempo e poder falar com mais frequência com os filhos que moram em outras cidades.

O Curso de Informática Básica é ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) e, em Cruzaltense é oferecido pela Secretaria de Assistência Social em parceria com o Sindicato Rural de Erechim.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais