Há uma semana erechinenses recebem barro em suas torneiras

“Eu não aguento mais essa situação, só sai água suja das minhas torneiras”; “Desde sábado, dia 25, observamos que a água estava impossibilitada de usar. Neste domingo (2), a espessura estava tão grossa de barro que tive que levar minha família para comer fora, pois não tinha condições de fazer almoço”; “Lavar roupas sem condições e com criança pequena tem sido ainda mais difícil”…

Há uma semana, diversos relatos como esses vêm pipocando nas redes sociais, no Messenger do Jornal Boa Vista e Rádio Cultura e na mídia de modo geral. Moradores e comerciantes descrevem que a água tem chegado turva as torneiras, barrenta e por vezes, com cheiro.

De ponta a ponta do município, quem precisou fazer as atividades corriqueiras de final de semana, como lavar roupas, calçadas e carro, só se incomodou. “Mais sujei o carro do que lavei. Sem contar as calçadas, fui lavá-las e a água saiu tão escura da mangueira que ao invés de limpar, resultou em mais trabalho”, relatou o morador do Bairro Cerâmica.

Filtros, purificadores e caixas d’água acumulam sujeira e moradores querem explicações da Corsan.

Por Carla Emanuele 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais