Rio onde menino foi morto pode ter mais de uma cobra sucuri

A Patram segue nesta terça-feira, 2, realizando buscas no Rio Teixeira, entre Ipiranga do Sul e Sertão, a fim de encontrar a cobra que teria matado no domingo, 31, o jovem Guilherme da Silva Andrade, de 12 anos.

Conforme o repórter do BV e Cultura, Alan Dias, que acompanha as buscas, pode haver mais de uma cobra no rio. Segundo depoimentos ouvidos por ele no local, não estaria descartada a possibilidade de serem de 3 a 4 sucuris no local – que tem moradores próximos.

A operação, considerada perigosa, segue ao longo do dia. O BV trará qualquer novidade, de acordo com o andamento dos fatos.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.