Festival de Dança encanta, emociona e lota o 25 de Julho

Desde a noite do último sábado, 29, o palco do Centro Cultural 25 de Julho se tornou o local da magia, da leveza, da arte e da cultura com a realização do 1º Festival de Dança de Erechim, numa organização do município, através da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Turismo com o apoio do Instituto Estadual de Artes Cênicas e a Associação Gaúcha de Dança. Subiram no palco representantes de Erechim e de municípios dos estados do Rio Grande do e Santa Catarina.

Com as dependências lotadas, o público ouviu, primeiramente, as manifestações das autoridades que destacaram o momento como histórico e ímpar para a cultura de Erechim e região do Alto Uruguai, não somente pela iniciativa, mas como fato positivo em colocar o município como um agente permanente na fomentação da cultura local.

Em sua manifestação, Patrícia Barbosa Ribeiro, presidente da Asgadan da capital do Estado, destacou como de extrema importância a realização do Festival de Dança para o município de Erechim, principalmente para a valorização dos artistas locais, regionais, de âmbito estadual e de outros estados.

A secretária de Educação Vanir Bombardelli agradeceu a todos os convidados que aceitaram o convite para a realização de um grande sonho, um momento esperado por cada erechinense. “Quando se fala em dança, estamos destacando a arte que mais integra, pois precisa de música e teatro. Que encanta pelo vigor do corpo, que imita a vida. Estou contente quanto secretária, pois Erechim está tendo outro olhar, onde caminham juntas a cultura e a educação. Vamos nos unir para continuarmos desta forma”.

O presidente do Poder Legislativo, Rafael Auyb pontuou que o festival vem trazer mais um presente para Erechim nos seus 100 anos. “Um momento de mostrar o potencial de cultura local, um aprendizado para a troca de experiências entre todos os que se fazem presentes”.

Por fim, o prefeito Luiz Francisco Schmidt lembrou o Lago dos Cisnes. “Não é hora dos cisnes desaparecerem. Permitam a cidade avançar um pouco mais no que se refere a cultura. Este é um grande momento da realização de um festival de extrema importância para nossa cultura na área da dança, como estamos dando os passos certos na realização do Festival de Teatro de Erechim, ocorrido recentemente em sua fase regional, como a fase estadual que ocorrerá em dezembro próximo. Voltamos a ser referência no Estado com a arte e a cultura”.

Avaliadores:

Patricia Barbosa Ribeiro, com formação em Educação Física, especialização em Dança na PUC, mestre em reabilitação e inclusão pelo IPA. É diretora do Grupo de Dança Criação e Presidente da Associação Gaúcha de Dança.

Marlise Machado é bailarina, coreógrafa e docente em dança, além de Bacharel em Letras pela UFRGS. Como bailarina clássica, foi professora e bailarina do Ballet Redenção, integrante do Ballet Concerto e da Palco e Cia, participando de elencos com premiações como o 1º lugar no Festival Porto Alegre em Dança na categoria Ballet Clássico Adulto, assim como no espetáculo Ballet Favourites, agraciado com o Prêmio Açorianos de Dança.

Aline Rosa estudou em várias Escolas de Porto Alegre e no Centro de Dança de Alexander Sideroff. É professora e coreógrafa de Ballet Clássico há 30 anos e Dança de Salão há 18 anos. Formada em Pedagogia pela Faculdade Portoalegrense Fapa. Criou o Método de Ensino de Ballet Infantil Primeiros Passos. É diretora da Escola de Dança Aline Rosa desde 1995. Atualmente está cursando Pós Graduação em Dança Cultura e Educação na Faculdade Sogipa e é integrante da equipe diretiva da ASGADAN – Associação Gaúcha de Dança.

Driko Oliveira é bailarino, instrutor e pesquisador de dança e, atualmente, coreógrafo. Circulou o Brasil dando workshops nas cidades de Natal/RN, Rio Branco/ACRE, Palmas/TO e Salvador/BH, Cascavel e Campo Mourão/PR, Florianópolis/SC e em inúmeras cidades dentro do Estado do RS.

Cláudio Furlin estudou dança clássica no Ballet Lenita Ruschel em Porto Alegre de 1997 a 1999. Foi aluno do Instituto superior de arte do Teatro Colon – Buenos Aires / Argentina de 1999 a 2003. Atuou como professor de Dança de Salão e Dança Esportiva do Centro de Danças de Arthur Murray em Florença Itália no período de 2003 a 2011. Atualmente é professor e diretor do Centro de Danças Arthur Murray em Porto Alegre. Integrante da equipe diretiva da ASGADAN Associação Gaúcha de Dança.

Clóvis Rocha. Graduado em Educação Física (UFRGS); Licenciatura Curta em História (PUC). É Diretor do Instituto Estadual de Artes Cênicas do Rio Grande do Sul e Diretor do Teatro de Arena de Porto Alegre. Foi Presidente da Associação Gaúcha de Dança ASGADAN. Produtor diretor do Festival Internacional de Folclore de Porto Alegre em seis edições. Prêmio Açorianos de Dança 2013 como personalidade do Ano.

Noite de premiação:

Durante os dois primeiros dias, sábado e domingo, 29 e 30, foram quase 100 apresentações que encantaram a todos os presentes. No sábado, dia de abertura, grupo convidado da capital do Estado deu o tom cultural da noite. Nesta segunda, 01, último dia do evento, também com abertura às 19h, acontece a apresentação de 16 grupos, seguido da premiação dos vencedores nas categorias infantil, infanto-juvenil, juvenil, adulto e sênior, nas categorias solo, duo, trio e grupo. A entrada é gratuita até atingir a capacidade do local.

Comentários estão fechados.