Vereador Renan Soccol sugere à Prefeitura a distribuição de alimentos nos moldes da Lei do Bom Samaritano

Na sessão ordinária realizada na última segunda-feira (29), o vereador Renan Soccol (Progressistas) solicitou ao Poder Executivo de Erechim que implemente a Lei Federal 14.016/2020, conhecida como Lei do Bom Samaritano, criando um centro de triagem para a distribuição de alimentos doados. Segundo o parlamentar, tal medida ajudaria a desburocratizar o referido processo em um momento de crise em todo o território nacional e com tantas famílias necessitadas.

“Com a criação de uma central, o poder público teria um papel importante no auxílio dos estabelecimentos que estarão fazendo a doação com respaldo na Lei Federal”, afirma Soccol, que em 2019 sugeriu a criação de um programa para o reaproveitamento de alimentos não consumidos. “Acreditamos que a efetividade da Lei do Bom Samaritano em Erechim irá criar uma válvula de escape, oportunizando mais uma forma de doação para que a iniciativa privada continue auxiliando”, completa o vereador.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais