Polícia Federal apura supostas fraudes trabalhistas em Erechim

A Polícia Federal desencadearam na manhã desta quinta-feira, 01 de fevereiro, operação para combater supostas fraudes trabalhistas, em Erechim. Agentes da Delegacia de Polícia Federal de Chapecó/SC participaram da ação.

Os agentes cumpriram mandados de busca e apreensão em uma empresa construtora, um escritório de contabilidade e no escritório de um advogado.

O delegado-chefe da Delegacia da Polícia Federal de Chapecó, Sandro Bernardi disse que a operação envolveu 16 agentes e a investigação apura suposto crime em processos de demissão, falsificação de documentos e facilitação fraudulenta ao Seguro Desemprego. Não foram divulgados nomes dos envolvidos ou maiores informações.

Comentários estão fechados.