Necropsia confirma: menino foi morto por ataque de cobra

A necropsia realizada na tarde de hoje (1) no corpo do menino Guilherme da Silva, 12 anos, confirmou que ele foi morto por um ataque de cobra.

No exame ficou comprovado que vários ossos foram quebrados por uma pressão mecânica muito forte, inclusive um braço e costelas, o que não ocorre em um simples afogamento em riacho. O menino também ingeriu muita água.

Guilherme desapareceu nas águas do Rio Teixeira, divisa entre Ipiranga do Sul e Sertão, na tarde de domingo, 31 de dezembro, e de acordo com relatos de moradores teria sido atacado por uma cobra de grande porte, medindo entre 06 e 07 metros de comprimento, que o puxou para o fundo do rio. Seu corpo foi localizado por moradores no final da manhã desta segunda-feira, 01 de janeiro.

Nesta tarde a Patram de Erechim realizou buscas pela cobra, mas até o momento ela não foi encontrada.

 

Com informações de Mateus Miotto / Rádio Uirapuru

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.