Hospital de Caridade abriga exposição de fotos de bebês recém-nascidos
Jornal Boa Vista
Prev
Next
Buscar
Visualizações de página: 23.573.716
|
Erechim - RS, 01 de Novembro de 2014.
Tempo 24°C
tempo
Máxima. 26° C
Mínima 20° C
|
Radio Cultura
|
Você está na: Home > Noticias > Geral > Hospital de Caridade abriga exposi√ß√£o de fotos de beb√™s rec√©m-nascidos

Hospital de Caridade abriga exposição de fotos de bebês recém-nascidos

25/09/2013 - 11:24:33

A mostra re√ļne imagens no estilo Newborn da fot√≥grafa Dulce Paliga

Hospital de Caridade abriga exposição de fotos de bebês recém-nascidos
Geral
Tamanho do texto:

Quem passa pelos corredores da Maternidade do Hospital de Caridade de Erechim se encanta com a exposição de fotos de bebês recém-nascidos. O trabalho é da fotógrafa Dulce Paliga, onde ela registra bebês com até 15 dias de vida, no estilo Newborn, uma técnica muito difundida nos Estados Unidos e em grande ascensão no Brasil.

Segundo a fotógrafa, Newborn é a arte cuidadosa de fotografar recém-nascidos, preferencialmente entre 6 e 10 dias de vida, período em que os bebês são mais maleáveis e o sono é mais profundo, facilitando, assim, a composição de poses estratégicas. “A ideia da fotografia Newborn é exatamente registrar, de forma poética, a maneira como o bebê se comportava ainda dentro do útero”, explica Dulce. As imagens retratam os recém-nascidos peladinhos, agregados a alguns acessórios: toquinhas coloridas, mantas e laços.

Dulce Paliga, que é fotógrafa há 20 anos e já fez diversos cursos de especialização em Newborn, tanto em Porto Alegre como em São Paulo, conta que o sucesso dessa arte se deve ao fato de que o desenvolvimento do recém-nascido ocorre de uma forma muito rápida. “Então oferecemos às mamães a memória deste período cheio de mudanças, surpresas e alegrias infinitas.”, reforça.

Entretanto, Dulce alerta que a fotografia Newborn é extremamente complexa. “Aconchegamos um bebê frágil, que acabou de nascer, o que requer muita responsabilidade e carinho: cuidados fisiológicos e técnica perfeita ao posicionar o bebê são primordiais”, assegura. Para isso, a fotógrafa conta com um estúdio confortável, com toda a infraestrutura necessária para o aconchego da mãe e do bebê, climatizado na temperatura ideal para acolher um recém-nascido. Entretanto, se a mãe preferir, poderá fazer as fotos em sua própria casa, sem precisar tirar mãe e bebê do conforto do seu lar.

De acordo com Dulce, o ensaio newborn pode durar uma manhã ou o dia inteiro, com direito a muitas paradas para as mamadas, trocas de cenários, e para esperar o bebezinho entrar em sono profundo. Participam da sessão apenas os pais da criança a fotógrafa e a assistente, pois o bebê precisa de um ambiente tranquilo e silencioso para fazer as fotos. Durante o ensaio fotográfico, o bebê será manuseado com total segurança, pois nos cursos que participou recebeu treinamento com médicos pediatras e enfermeiras, para que pudessem compreender o comportamento do bebê neste período, e para acomodá-lo na posição certa, adequada e mais confortável.

 

A fotógrafa também lembra que a maioria das imagens com poses “impossíveis” para os recém-nascidos são fusões feitas no photoshop, caso contrário, colocariam em risco o conforto do bebê. Por isso, ela destaca que “não basta conhecimento técnico de fotografia para fazer essas fotos newborn. É preciso também saber sobre a fisiologia do bebê e tomar vários cuidados em relação à integridade física do pequenino”, finaliza.


PUBLICIDADE
topo